Lançando luz sobre o caminho.

Lançando luz sobre o caminho.

Poesia taoista

Lançando luz sobre o caminho.

 

 

Wang Ching-yang

tradução de monge Xin shan

 

Não fale sobre o vazio
sem saber o que significa;
pois os que querem agarra lo
se perdem facilmente.
Se na realidade queres saber
a verdade sobre o vazio,
é um espaço de nevoeiro brilhante,
imenso e indivisível.

é o vazio, não há nada,
o fundo das dez mil formas.
sem nada conter
as obras da criação,
dentro do vazio nem um grão de pó
encontra lugar onde alojar se.
Não há se não luz dourada ali
onde se contempla a pérola mágica.

O estudioso do Tao
busca a verdade e a vida e da morte;
pois de outro modo em vão ansiaria
conquistar o estado imortal.
Pois quem conhece a fonte da vida
discerne também o sentido da morte,
e por isso se Poe livre
para viver espontaneamente.

Não há, do primeiro ao ultimo,
nem morrer nem nascer;
na mente surgem dez mil falsas distinções
de pensamento instantâneo.
Mas é suficiente saber onde
esses pensamentos saltam e desaparecem para que brilhe a lua radiante
no templo da mente.

A verdade então está diante de ti:
não há que pretender nada.
Por si mesmas as colina s são verdes;
por si mesmas fluem as águas.
Deixa que sua mente dia e noite
abrace este único pensamento:
é preciso cultivar o Tao
mediante o pensar onde não existe pensar.